Cursos

A Lisbon School apresenta o curso de Ortopedia Funcional dos Maxilares para Médicos Dentistas em várias edições:

Fundamentação da pertinência do curso

A má-oclusão é uma patologia que se caracteriza por trazer desconforto estético, psicológico e funcional ao paciente. A Organização Mundial de Saúde considera a má-oclusão como o 3º problema de saúde oral, pelo seu alto índice de prevalência.

É prioritário a aplicação de procedimentos preventivos e interceptivos das más-oclusões, priorizando tratamentos precoces através de aparelhos ortopédicos funcionais que têm como objetivo a correção da estrutura basal, a obtenção de um correto equilíbrio funcional e a utilização do crescimento para correção da má-oclusão, produzindo resultados clínicos eficazes.

Atualmente, em Portugal não existe oferta formativa específica nesta técnica, pelo que temos o objetivo de dotar os colegas de conhecimentos e ferramentas que lhes permitam diagnosticar, prevenir e corrigir más-oclusões assim que as detetem.

Desafio

  • Desenvolver formações presenciais para médicos-dentistas nacionais e internacionais;
  • Criar conteúdos e conhecimentos, que permitam levar a cabo uma investigação sequencial do trabalho da Dra. Wilma Simões;
  • Permitir aos formandos identificar corretamente, os princípios, características, mecanismos de ação dos aparelhos ortopédicos funcionais, mecanismos implicados no crescimento e desenvolvimento craniofacial e tratamentos de disfunções temporo-mandibulares;
  • Fazer de Portugal o Pólo Europeu de Investigação e ensino da Ortopedia Funcional dos Maxilares;
  • Bianualmente investir em tecnologia que permita acompanhar a evolução tecnológica no modus operando das formações;
  • A própria escola dar continuidade aos estudos da técnica.

Solução

  • Esta técnica permite colmatar uma falha de informação dos médicos Europeus relativamente à Ortopedia Funcional dos Maxilares;
  • Melhoria da qualidade de vida dos pacientes, através de uma intervenção mais precoce e continuada;
  • Aproveitamento da facilidade de acesso a Portugal por parte dos médicos Europeus, assim como um aproveitamento das infraestruturas da cidade;
  • Transmitir na Europa a Ortopedia Funcional dos Maxilares preconizada pela Dra. Wilma Simões;
  • Recurso cada vez mais recorrente às formações via e-learning, conseguindo chegar aos médicos sem possibilidade de se deslocar a Portugal.